Portal i9

05/11/2013 17h41 - Atualizado em 05/11/2013 17h41

Homem arranca cabeça da mãe e deixa em bacia de plástico no Vale do Mucuri

Crime foi cometido com faca peixeira de 17 cm e presenciado por irmão do autor

Dária Leon
 

Foto de Marcos Pereira/Rádio Teófilo Otoni
Foto de Marcos Pereira/Rádio Teófilo Otoni

Um homem matou a própria mãe de forma cruel no Povoado Jaqueira, na zona rural de Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri.

Maurício Rainer de Oliveira, de 30 anos, arrancou a cabeça da vítima, Nalcimaria Rainer de Oliveira, de 50, e a deixou em uma vasilha de plástico antes de fugir nessa segunda-feira (4).

O crime ocorreu dentro da casa onde a família vivia, às margens da BR-116, e foi presenciado pelo irmão do criminoso, de apenas 12 anos.

De acordo com relatos do adolescente aos policiais militares da cidade, Maurício chegou em casa transtornado e, de uma outra para outra, deu uma paulada na cabeça da mãe, seis facadas no abdômen dela e, em seguida, ainda a decapitou. Na sequência, ele colocou a parte do corpo em uma vasinha de plástico, ameaçou o irmão de morte e fugiu correndo.

Assustado, o garoto pediu ajuda para vizinhos, que acionaram a Polícia Militar.

Na residência, os militares encontraram a vasilha com a cabeça em cima da mesa da cozinha do simples imóvel e uma faca peixeira de 17 cm toda ensanguentada em uma cadeira. O corpo de Nalcimaria foi localizado caído ao chão.

Por meio de informações passadas pela testemunha, os policiais fizeram rastreamento e conseguiram localizar Maurício depois de duas horas de procura. O homem foi encontrado em rua de Teófilo Otoni, onde andava de forma agitada e com um saco de roupas nas mãos.

Ao ser questionado sobre o crime, Maurício confessou e apenas disse que matou a mãe porque ela estava com um comportamento estranho com ele.

Familiares do criminoso informaram aos policiais que atenderam a ocorrência que ele tem problemas psicológicos e que, apesar de fazer uso de remédios controlados, tem o costume de ingerir bebida alcoólica em excesso.

Maurício foi detido em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil da cidade, onde prestou depoimento e foi levado para o Presídio de Teófilo Otoni.

Depois de também ser ouvido, o adolescente ficou sob os cuidados do tio.

A reportagem do R7 tentou contato com o delegado Luiz Bernardo de Morais Neto, que ouviu o assassino, mas foi informada que está de folga e é o único que poderia falar sobre o caso.

Envie seu Comentário

Atenção! Os comentários do Portal i9 são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.
Procure escrever de maneira clara para que todos possam entendê-lo.

Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído. © 2012 - Portal i9 - Todos os direitos reservados.